Notícias

Imagem

Centrais “avaliaram como muito positiva a greve nacional”

Os líderes entenderam ainda que o “sucesso da mobilização é resultado da unidade de ação do movimento sindical, construída ao longo do tempo e renovada nas deliberações das assembleias em locais de trabalho, em plenárias por categoria e intercategorias; e da articulação com os movimentos sociais, populares, estudantil e religiosos.”

Depois da reunião, os líderes das centrais sindicais emitiram nota pública em que divulgaram que a greve geral “atingiu 45 milhões de trabalhadores em todo o país, é um movimento que terá continuidade, com a ampliação da unidade de mobilização.”

Segundo a nota das centrais, o próximo passo vai ser “entregar aos presidentes da Câmara e do Senado abaixo-assinado contra a proposta de reforma da Previdência do governo, com centenas de milhares de assinaturas coletadas em todo o país.”

Leia a íntegra da nota das centrais sindicais:

Comente esta notícia